Hoax: o famigerado boato

Depois do artigo do Chapado sobre plágio, fica mais ou menos claro que as pessoas repassam informações na internet sem verificar sua veracidade. E a prática do copiar e colar (copy and paste) acaba por produzir boatos que são disseminados de site em site, de e-mail em e-mail. Isso porquê a falta de crítica de quem lê, pensando que trata-se de uma verdade absoluta, acaba alimentando essa corrente de boatos. Impressiona a quantidade de  coisas que são recebidas por e-mail que beiram o absurdo!

No wikipedia americano, encontramos que um boato (hoax) tem a seguinte definição:

Hoax é uma tentativa de enganar uma audiência fazendo acreditar que algo falso é real.

 

Hoax envolve então os boatos e embustes (mentiras engenhosas), que acabam sendo sinônimos. O engano da audiência é feito através de mentiras engendradas que geralmente involvem a ignorância de fatos por quem recebe.

Uma prática comum serem misturadas meias-verdades (ou meias-mentiras) algumas vezes associados com termos científicos e expressões não familiares que não são verificadas. É o caso da lenda da água (H2O), que num boato que circulou,  foi dito que existiria uma substância terrivelmente tóxica e de efeitos devastadores com o nome de monóxido de dihidrogênio (ou ainda, ácido hidroxílico) . Conforme o email ou site, associou-se a terrível substância a efeitos deveastadores sobre o meio ambiente. Isso tudo porque a maioria das pessoas não está familiarizada com essa nomenclatura pouco usual para a água. (Afinal,  a água é mono(1) óxido (O) de di(2) hidrogênio (H) ou ácido (H) de hidroxila ( OH) = H2O). (Ver lenda)

Outra forma de hoax são os falsos vírus. Anos atrás, lembro que recebi um e-mail alertando sobre um falso vírus. Verifiquei que no meu computador existia o tal arquivo .exe e que nunca que conseguia removê-lo, ele sempre voltava. Pesquisando na internet, vi que era um arquivo necessário para o sistema operacional: o arquivo jdbgmgr.exe.

Uma terceira forma, talvez a mais idiota de todas, são as famigeradas correntes. “Mande para 10 pessoas em 5 minutos se não você vai ser infeliz para o resto da vida” e apelos similares realmente carecem de qualquer bom senso e, infelizmente, ainda existem pessoas que utilizam a rede que acreditam em tais idiotices. Inseguras em sua ignorância, por medo e por eventuais motivos que escapam a qualquer raciocínio razoável, repassam a mensagem continuando assim a corrente.

Existem os boatos comuns. Quantas vezes já não recebi mensagens de que o orkut, o msn e sei lá o que seriam pagos…

Antes de repassarem uma mensagem, verifiquem se seu conteúdo é confiável. Na internet existem vários sites que reúnem lendas virtuais, como o http://www.quatrocantos.com/LENDAS (Claro que nem tudo é mentira na internet e lá também tem o que é verdade 🙂 )

Se todo mundo fizesse sua parte, teríamos a circulação de menos lixo na internet, e menos e-mails inúteis a serem lidos 🙂 Vamos fazer nossa parte por uma internet mais confiável e “limpa”.

 

(Re-redigido por Chapado 18/7/2008)

Anúncios

2 Respostas

  1. Li tudo a respeito da kuat e veja o quanto é boato ou verdade, sei lá eu bebo, mais nao gosto de guaraná mesmo! obrigada pelo alerta

  2. Você tem toda a razão; amiga Espoleta: isto é o que mais ocorre noutro Site que você já sabe qual é, infelizmente!

    A propósito: postei uns Comentários lá naquele outro “blog”, espero que você possa lê-los mais tarde; combinado?

    Bom, abraços e nos vemos por aí então!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: